segunda-feira, setembro 07, 2009

Mas eu sinto que eu to viva a cada banho de chuva.

A dor no meu peito vem aumentando.As lágrimas caem.A minha cabeça gira.Os meus pensamentos perdem o foco.O meu corpo mutilado não consegue mais caminhar.Tenho vontade de gritar.As lembranças passam em minha mente como um filme de terror.Eu tapo os olhos e os ouvidos,mas essas imagens não se apagam.Sorrio.Finjo que meu sorriso me acalma para não me desesperar.Caminho na escuridão com a chuva a cair em mim.Sinto o vento tocar cada parte do meu corpo como punhaladas contra minha pele.O peso que a agonia proporciona pra mim é devastador.Ela suga minhas energias,me deixando completamente sem vida.Meu coração parece que vai esmagar o resto dos meus órgãos vitais.Deitada na chuva em meio as trevas, sinto uma passageira calma.Uma calma que só o torpor pode me dar.

7 comentários:

  1. Espero que essa agonia saia do teu peito e siga o caminho dela.
    Adorei a forma com que você escreve...
    Beijos
    Tudo fica bem...
    Somente espere...

    ResponderExcluir
  2. mari, amei seu post, bem lindo mesmo, e tudo vai ficar bem, isso vai passar.
    beijos :*

    ResponderExcluir
  3. A chuva faz isso com as pessoas, acalma... Concordo com a Fer, isso vai passar, tudo passa

    ResponderExcluir
  4. nos encontramos em situações parecidas, e torço pra que isso passe logo pra ti amor,
    lindo post.

    ResponderExcluir
  5. adorei o post, e nossa, que barra :\
    beeijo

    ResponderExcluir
  6. Amei cada um dos teus textos, comofas?'
    quando vi teu blog, percebi que tu pensa exatamente que nem eu, e os sentimentos que nós escrevemos nos textos são muito parecidos. :)'
    Tô te seguindo 'hihi :)'
    enfim, amei o blog ;*

    ResponderExcluir

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos