sábado, outubro 31, 2009

Buraco Negro

Uma ferida foi aberta.
Profunda demais para sarar.
Estou sozinha
E não posso mais sonhar

O torpor me atingiu
A chuva caiu
E o buraco negro
novamente me engoliu

9 comentários:

  1. Olá Marie! (:
    "Estou sozinha
    E não posso mais sonhar." Estou na mesma situação! =/

    Bom, gostei de ver que vc passou no meu blog e gostou...
    Obrigada.... Esp ver vc mais vezes lá, pq eu estarei passando por aqui! :D
    Sobre o texto, gostei mt.. e me identifiquei bem! ^^
    BJinhuss
    até a próxima!

    ResponderExcluir
  2. Não pare de sonhar. Teus sonhos te farão companhia e você nunca ficará sozinha como achas estar agora.

    ResponderExcluir
  3. Uau, que lindo!

    Adorei.

    Estou seguindo também.

    ResponderExcluir
  4. Ual, adorei esse textoo...
    muito lindo, muito perfeito!! *-*

    ResponderExcluir
  5. há algumas feridas, que são tão profundas que serão eternas...

    ResponderExcluir
  6. Queria eu, com 14 anos, publicar o que escrevia e escrever tão bem assim!
    Talvez seja também a idade que te faça pensar assim. Toda ferida acaba fechando, embora sempre deixem cicatrizes!

    ResponderExcluir
  7. - noss,
    sabe qdo você lê alguma coisa e sabe que se falar " que lindo " vai ser pouco !?
    Isso rolou agora, e eu não sei como falar que isso ficou ótimo !
    Lindo, demais marie *-*

    ResponderExcluir
  8. Precisa de uma mãozinha amiga pra te tirar do buraco negro?
    Bonito, que chega a dar angústia.

    ResponderExcluir

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos