sexta-feira, janeiro 15, 2010

sem descrição

Cada vez que eu escrevo eu lembro de ti.Lembro que era o seu amor que me animava.Hoje, não vejo motivos para levantar da cama.Você se foi e todos meus vícios voltaram.Eu parei de comer.Aquela vontade incessante de me mutilar voltou.O negativismo abriga meus pensamentos.Meu coração parou de bater.Me sinto congelada.Congelada junto a dor.junto ao vazio que abriga meu coração. Hoje, quando fico sozinha as lágrimas caem com facilidade, elas jorram de meus olhos sem vida.Eu nao consigo mais escrever, dói demais.é como se algo tivesse mutilando-me por dentro.Nao posso continuar a escrever mais.

4 comentários:

  1. Não deixe a dor consumir aquele coração. que um dia foi doce a amou! Existem momentos em que somos testados. os piores momentos nos devoram. nos fazem pensar no fim. mas é apenas um momento. E se fechar os olhos POR UM INSTANTE verá que no fim existe AMOR E FELICIDADE

    ResponderExcluir
  2. Querida isso passa! se cuide!
    beijos

    ResponderExcluir
  3. Flor, isso mais cedo ou mais tarde passa. O tempo é sempre o melhor remedio nesses casos.

    bjus =*

    ResponderExcluir
  4. como se dissem.. tudo na vida passa, só é preciso tempo.

    ResponderExcluir

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos