quarta-feira, fevereiro 17, 2010

Ultimo post sobre você.

Willian Rafael.

Se você ainda não me esqueceu e por um acaso esta lendo esse post,saiba que tudo que estará escrito aqui,eu quis te dizer,mas não consegui por falta de coragem e um pouco de orgulho.

Desde a nossa última conversa,se é que da pra chamar aquilo de conversa,eu não consigo ficar nem um minuto sequer sem pensar em ti.Nossas últimas conversas passam sem eu querer em minha mente.A cada dia que se passa, a saudade e a dor só aumenta.quando chega a noite, é ai que você entra em meus pensamentos com maior intensidade.Todo o esforço que eu faço no dia,há noite se desanda.Choro a madrugada inteira com o pensamentos que não irei sobreviver a mais uma noite,sabendo que você não é mais meu.As lágrimas apenas secam quando meu corpo,incapaz de agüentar essa imensa dor,fica inconsciente.Mas nos meus sonhos você também aparece.E quando acordo,me desespero por aquelas lembranças não passarem de meras projeções inventadas pela minha cabeça para anestesiar pelo menos 1% da dor que reside em meu coração.Eu sei que antigamente,no passado eu te desprezei e não valorizei o teu amor.Que pisei em teus sentimentos e te feri da forma mais profunda.Eu sei que errei, e me culpo todas as noites por ter feito isso contigo.Nunca deveria ter feito coisas,tomado tais atitudes e proferido palavras que eu nunca queria ter dito.Sei também que fui infantil e egoísta por as vezes só pensar em mim.quando eu te conheci eu era uma garotinha que pensava que  no amor,príncipes encantados,cavalos brancos e princesas faziam parte dele.Eu não sabia o que era amar.O que era perder uma parte de ti.Minhas atitudes foram de uma menininha mimada.No fundo,eu me sentia magoada por aquela vez que você me deixou e queria mostrar a você como era a sensação de ver o amor da sua vida nos braços de outra pessoa.Essa sim é uma das atitudes que eu mais me envergonho.Nesse tempo em que eu fui viajar,eu pensei em tudo.E vi que o jeito que eu andava me comportando não fora muito legal.Com meus erros eu aprendi e cresci.Deixei se ser aquela menininha ingênua e bobinha que você conheceu, e passei a ser aquilo que você me ensinou.Eu sei que foi muito tarde para eu ter percebido meus erros e tentar concerta-los. Eu tentei,mas você não quis me ouvir.E te dou razão.Quando você terminar de ler isso,se é que chegou até aqui ou até mesmo nem leu,deve achar que essas palavras são da boca pra fora e não acredita que eu tenha mudado.Mas são verdadeiras sim.E acho que a ultima coisa que eu tenho a falar,a mais importante talvez, é que nesses 16 meses que eu comecei a te amar... esse amor é o mais puro que eu possa ter sentido.É o mais verdadeiro e o mais profundo,Agora, pode ser cedo ao dizer,mas tenho certeza que esse amor será eterno.Enquanto meu coração estiver batendo,saiba que ele está batendo por você,sempre bateu.E a cada dia desses 16 meses eu nunca te esqueci,nem sequer por um minuto.Eu te amei a cada nascer a por do sol.A cada dia ensolarado ou chuvoso.Eu te amei com todas as células do meu corpo,e ainda te amo.Ainda te amo com a mesma intensidade.Com o mesmo incessável desejo de estar contigo a cada segundo dos meus dias.E digo que largaria tudo o que fosse necessário para pode ouvir de ti um “eu te amo”, e poder sentir o toque suave dos seus lábios nos meus e os teus braços entrelaçando-me em volta de mim em um abraço apertado.Eu te amei,eu te amo,e te amarei até o fim dos meus dias.Até meu coração cansar e parar de bater.Eu necessito de você ao meu lado.Tendo você,não me importo-me com absolutamente nada.Eu sei que foram várias tentativas para a gente ficar junto e não deu certo.Depois que ler isso não espero que mude  nada.Apenas terei a certeza que você sabe que meu coração é teu.Não implorarei para que volte.Pois eu sei que aquele “adeus” foi definitivo,E com o tempo eu vou seguir minha vida e aos poucos reconstruindo a parte vazia que antigamente você habitava em meu coração.
Eu continuo viva,porém incompleta.
Essas são as ultimas palavras que eu pedirei para você ler.
E se um dia conseguir me perdoar,e querer voltar,saiba que eu estarei esperando por ti.


* Meuuus amores,eu tava de castigo, então não pude responder os seus comentários.
Mas prometo que amanha vou responder toodos.

beeijos

20 comentários:

  1. Marie, o seu blog é muito fofo, você escreve super bem...

    xoxo.

    ResponderExcluir
  2. Adorei o blog!

    retribuindo a visitinha


    bjos

    ResponderExcluir
  3. É, Rafael soube mesmo oq estava dizendo...adorei o texto...penso igual...

    Adorei o seu blog...temática magnifica...

    Abração e até mais...

    ResponderExcluir
  4. - Escreeve lindamente. Me emocionei, contagiante***

    ResponderExcluir
  5. Adorei seu blog!!!
    To te seguindo, tá?
    E...coincidencia ou não, penso o mesmo que você...
    Vo passar sempre por aqui...
    bjão... =^.^=

    ResponderExcluir
  6. Essa é uma dor que eu gostaria de não ter tido. Mas com o tempo, no seu caso, essa dor vai melhorar e o vazio vai passar.
    Bjus

    ResponderExcluir
  7. O tempo cura qualquer dor, é só uma questão de paciencia.

    bjus =*

    ResponderExcluir
  8. Triste ...mas o desabafo é necessário!

    ResponderExcluir
  9. Tem um selo para vc lá no meu blog..passa lah p pegar =D
    bjusss

    ResponderExcluir
  10. oi oi oi (:
    tud beem ?
    tem dois selinhos pra ti no meu blog.
    beeijo ;*

    ResponderExcluir
  11. Não sei nem o que comentar, eu fiquei emocionada com o seu texto e me indentifiquei muito com ele. É péssimo quando um amor se vai talvez para nunca mais voltar, é ruim quando a gente fica sem rumo ou sem direção, é ruim quando a gente tenta curar a ferida que causou no coração.
    Queria dizer que um dia faria o último texto para aquele que se foi, eu não conseguiria. parabéns por você ter conseguido, de verdade! Mas um dia tudo passa ...

    beeeijos, e muito sucesso :*

    ResponderExcluir
  12. Dói Dói Dói... =/
    Espero que melhore e sejaa realmente o último post a ele... Pois, vc tem que recomeçar! ^^.

    BJinhuss

    ResponderExcluir
  13. http://ritmo-da-chuva.blogspot.com/2010/02/selo-masterblog.html

    Passa no meu blog.. tem um selo para você lá! :D
    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Dessas últimas palavras mora a saudade!

    Beijos
    ;*

    ResponderExcluir
  15. Marie, dizem que tudo acaba um dia... Mas acho que é mentira. Acho que existem coisas que nunca acabam, principalmente as que nasceram dentro de nós.

    Mas olhe, o tempo existe pra folgar o aperto. Soltar o nó, e fazer você esquecer cada vez mais. Depois, não dói.

    Acredite, Marie. Todos nós sofremos, mas antes do fim há felicidade, é só traçar o caminho certo.

    Beijos, fica bem.

    ResponderExcluir
  16. Eu gosto tanto dos seus textos.Verdadeiros e sentimentais.E sempre acabo com o coração apertado,porque lembro de uma pessoa que gostei MUITO, e essas lembranças me atormentam profundamente.
    -

    Kisses & love.

    ResponderExcluir
  17. - e que fique tudo bem logo (:

    beijo, beijo, beijo.
    conte sempre marie!

    ResponderExcluir
  18. maravilhoso texto
    parabens
    envolvente e não cansa.
    e tbm to t seguindo querida;.

    hehehe q fdahora seu blog
    primeira vez aki
    espero vir mais *-*

    bm passando pra desejar uma ótima semana
    e deixar o PUMsamento do dia...
    se você tem aquele amigo bebum....que intorna todas...o deus dele é o zeca pagodinho e a santa é a amy winehouse....lembre que poderia ser pior..ele só num bebe acetona porque
    tira o esmalte dos dente . ..
    abraços e se cuide.

    ResponderExcluir

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos