segunda-feira, maio 31, 2010

Bolha

As coisas mudaram, e ainda sim, continuam mudando.
Minha vida está em constante mudança.
Vi muitas pessoas, que chamava de "amigos", e até morreria por eles, me viraram as costas quando eu mais precisei.Muitas pessoas que até então, achava que ficariam ao meu lado para sempre, foram as primeiras a cravarem punhais em mim, e me assistirem cair, sem interverem.
Mas também, nesse tempo, pessoas que nunca dei tanto valor, não me deicharam cair e me resgataram do chão, me dando forças para seguir a diante.
As coisas,as pessoas, os sentimentos, mudam de uma hora pra outra, sem avisar.
E é necessário estar sempre preparada para qualquer situação.
Muitas pessoas ainda vão passar pela minha vida, talvez todas, vão me magoar, mas é importante saber por quem vale a pena derramar uma lágrima.
As vezes, por amar demais uma pessoa, é necessário deixa-la ir.
Os sentimentos acabam, e o coração faz novas escolhas.
Mudanças são inevitáveis.
O destino, e você quem faz.
Contos de fadas não existem.
O mundo é cruel, mas não quer dizer que por isso, você também tenha que ser assim.
Ainda me escondo por trás de livros, músicas e textos.
Não sei quando vou abrir minha "bolha" e encarar o mundo real de frente.
Acho que não estou preparada para isso.
Pelo menos, ainda não.

2 comentários:

  1. Muitoo interessante seu texto , me indentifiquei bastante!
    è aquela velha historia que digo sempre!
    Amamos quem nos despresa e despresamos quem nos ama!
    beijinhos!
    ah por conhecidencia postei um texto que acho que você vai gostar tem a ver com mudanças repentinas!

    ResponderExcluir

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos