segunda-feira, junho 07, 2010

Sei que esse erro não foi meu.

E hoje eu parei de me culpar por não ter dado certo.
Sei que esse erro não foi meu.
Nunca pensei que tinha coragem para falar tudo o que eu falei.
E sei que foi melhor.
Pois não sei se aguentaria passar por tudo aquilo de novo.
Foram tantas tentativas, e todas falharam...
tanto pela minha parte, tanto pela sua.
Mas, isso não me importa mais.
Eu segui meu caminho, desviando do teu.
Não desejo teu mal, pelo contrário.
E depois de dois anos, eu me desprendi de você
Não dependo mais de você
Posso ser feliz, sem você.
Você fazia sentir-me morta.
Todos aqueles cortes, foi você que causou.
Todo aquele interminável sofrimento, você quem causou
Você machucou meu coração
E hoje, alguém está cuidando dele,
ao contrário de você, que só o destruia.

3 comentários:

  1. isso mesmo moça, não podemos ficar pensando que sempre somos nós as erradas!

    Beijos, menina*

    ResponderExcluir
  2. O importante é ter a consciencia de que nem sempre somos nós que erramos. (mesmo que quem erre de verdade não perceba...)

    Bjão =^.^=

    ResponderExcluir
  3. Amei o texto, já passei por mais ou menos isso, eu acho. Parabéns mais uma vez, beijos!

    ResponderExcluir

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos