quinta-feira, agosto 05, 2010

Sem nada

Acordei sem nada em minha cabeça confusa. Sem nada no coração. Sem nada no estômago.Acordei sem brilho em meus olhos.Acordei, e literalmente, me senti morta. Minha pele pálida transparecia as veias infladas, as fendas cortadas, olheiras visiveis, comprovavam as noites em claro, onde eu voltava nas páginas de ontem, procurando-me, e hoje, já não quero vê-las,os olhos vazios demonstravam a imensa dor.. e o coração parado, cansado de bater.

4 comentários:

  1. UAU! *-*
    Forte, sensível, um pouco triste, mas de qualquer forma, muito lindo *-*

    Bjão

    ResponderExcluir
  2. Ás vezes por culpa de um coração quebrado ou até mesmo problemas, nos sentimos assim: completamente morta,não sentindo nada.
    Já me senti assim :)

    -


    Beeijão ♥

    ResponderExcluir
  3. Nossa menina, sabe que estou passando por uma situação assim? não consigo dormir pensando em coisas que ja passaram e eu tentei consertar, bom....
    Seu texto tha ótimo*

    Beijos e parabéns!

    ResponderExcluir

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos