segunda-feira, setembro 13, 2010

O que importa afinal ? Viver ou saber que se está vivendo ?

A maturidade me permitiu enxergar a vida com outros olhos, porém em um dia desses, eu olhei pro lado, e vi que meu anjo já não estava mais ao meu lado.Ele já não sabe se eu continuo tendo medo da chuva, e do silêncio que ela causa.Pra falar a verdade, ele já nem sabe mais quando chove por aqui.Não sabe se eu ainda continuo paranóica em querer ser sempre cada vez mais magra. Ou obcecada por danoninho.Se ainda meu chocolate preferido continua sendo diamante negro.Ou se eu ainda choro que nem uma louca olhando filmes de romance.Meu anjo já não sabe mais dos meus medos, das minhas angústias,do meu coração partido.Ele já não está mais aqui, para me ouvir soluçar em silêncio e secar minhas lágrimas quando tudo da errado.Ele se foi.Partiu para bem longe, para conhecer lugares novos, pessoas novas.Ele foi atrás do que ele achava certo.Há muito tempo ele se foi, e eu não havia percebido. Eu fiquei congelada no tempo, vendo as horas passar. Para preencher sua falta, me ocupei com coisas novas,amigos novos, livros,barsinhos, paixões, músicas, seriados e afins.E essas coisas novas, pararam de ser apenas coisas, e passaram a ser minha vida a partir de agora.E com isso, eu consegui enxergar o que antes, não conseguia.Que a dor de uma ausência machuca, e muito, e o tempo é o melhor remédio.Que, se um relacionamento não terminou bem, não quer dizer que todos vão ter o mesmo fim.Que todo esse meu medo de se envolver com alguém, para não me machucar novamente, eram proteções que eu inventava, para ter a vida que eu imaginava ter.Hoje eu posso ver, que ninguém é insubstituivel, mas, com o tempo, aparecem novas pessoas, e lugares antigos, são ocupados por novas pessoas.Já disse mais de mil vezes que não iria voltar atrás em algumas coisas, e quando eu vi, já tinha voltado atrás.Já disse que eu estava bem, e ouvi alguém desabafar, quando eu estava mal, e era eu que precisava de colo. Já engoli um choro só para mostrar que eu não era fraca naquele momento.Já falei coisas que magoavam para pessoas que amava só para as protejer. Já confiei em pessoas,que não mereciam um pingo do meu respeito, e quando eu cai, riram da minha queda de camarote. Mas isso só me fortaleceu. E hoje eu sei quem realmente são meus amigos. O que importa afinal ? Viver ou saber que se está vivendo ? 

Quando me amei de verdade, parei de desejar que a minha vida fosse diferente e começei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento,
quando me amei de verdade, começei a me livrar de tudo o que não fosse saudável, pessoas, tarefas, tudo e qualquer coisa que me pusesse pra baixo, de inicio minha razão chamou essa atitude de egoismo, hoje sei que se chama - Amor próprio. " ( Charles Chaplin ).

9 comentários:

  1. Oi,flor.
    gostei da citação do Charles.
    então,seu texto está maravilhoso, viu?
    na verdade meu anjo também já deve ter dado no pé faz é hora!
    bjOus

    ResponderExcluir
  2. Já vi um texto parecido com o seu em algum lugar (...)' lindo o texto, e foi escrito pra mim não é? rs'
    obrigada por ter passado no meu blog. bejinhos ;*

    ResponderExcluir
  3. eu simplesmente AMEI e tbn me recordo de ja terlido em algum lugar e esta certissimo AMOR PROPRIO é do que precisamos *-*
    força amg força ♥

    ResponderExcluir
  4. Seu blog é lindo, e adorei o texto.
    Vou te acompanhar.
    E acho que o ideal é viver e saber que está vivendo, pois só assim a vida será aproveitada da forma correta, com todas as alegrias e decepções que sempre servirão de sorrisos e de aprendizados.

    ResponderExcluir
  5. eu com meus 20 quase 21 nao amadureci quase nadas ainda pareço uma menininha de 13 anos kkk ! eu as vezes quero ser criança !

    beeijão

    ResponderExcluir
  6. Maravilhosa a citação de Charlin Chaplin.
    Fechou seu texto magnificamente!!

    Viveer é importnate... mas saber que esta vivendo é essencial.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  7. oi amiga , obrigada pelo comentario no meu blog amor , ameeeeeei o seu , e seu post maravilhoso , amei suas palavras , a maneira como vose escreve , a maneira como eu me identifiquei com vose e amei vose .

    bem , quanto ao meu anjo , naõ sei onde ele esta , tbm tenta me ocupar com varias coisas diferentes , mas a verdade é que precisamos de apoio , precisamos de alguem que nos diga o quanto somos maravilhosas e insubstituiveis , precisamos de um anjo ao nosso lado , não sei se o meu se foi completamente , vez por outra ele se lembra de mim , e vem dar um sinal de vida , mas o sinto cada vez mais longe , minha vida começou a ser voses , ana , minhas calorias e ossos , a ana agora é a minha escapatoria , é a minha felicidade .

    nossa , escrevi mto , e só sobre mim '-' , maas enfim , olha amor , seu anjo pode estar só se escondendo , pode estar com medo sei la , as pessoas mudam , e os anjos tbm , ele pode estar em algum lugar , planejando alguma maneira de retomar contato , mas seja como for , seja forte , nós sempre estaremos aqui minha flor , nós podemos não ser seu anjo , podemos ser só anjos esquisitos , magrelos e sem asas , mas te amamos mto floor *-*

    obrigada pelo apoio

    ResponderExcluir
  8. pergunta: é necessário ter soh um anjo??? não sei se tenho um ou se jah tive um. XD mas sempre q eu precisei de apoio, eu encontrava nos meus amigos.

    será q naum são os amigos os verdadeiros anjos???

    ResponderExcluir

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos