terça-feira, novembro 23, 2010

Confortavelmente entorpecida

 Sinto finas agulhas por entre minhas veias, rasgando minha pele, derramando meu sangue, silenciosamente. Não dói mais. A dor não me incomoda mais, ela criou carinho por mim, me faz esquecer um pouco dos problemas. Está tudo claro, tudo brilhante. Nossa, que incrível. Me sinto leve. Nunca me senti assim. Acho que posso voar. É tudo tão lindo. Será que é real ? acho que sim. Estou me feliz. Ei, as luzes estão ficando mais escuras, alguém as apagou ?. Meu corpo está pesado novamente.Parece que estou caindo. Cadê o brilho?. Estou me sentindo triste de novo. Já acabou ? alguém tem mais uma dose de morfina por ai ?


Um comentário:

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos