quarta-feira, novembro 17, 2010

Que nem conto de fadas


Era uma tarde de terça feira quente.Era dezembro, e o sol brilhava alto.Devia estar uns 40 graus.Estava contando os segundos para que aquela aula interminável de biologia chegasse ao seu fim.Por mais que eu tentasse me concentrar em endomembranas, meu pensamento estava bem longe.. muito longe. O sinal toca.
- Vamos Ju  ?  pergunta Bruna
- Vamos sim, Bru
- Vamos ir na academia agora né ? dai a gente já fica direto e faz exame, depois podemos entrar na piscina, e sei lá, combina um churras né ? que tu acha ?
- é, vamos ver..
Não via a hora de chegar em casa. Não sei porque tanta emoção. Ver teu nome online e não falar contigo não iria mudar em nada..
- Olhaaaaaa quem tá passando na frente da escola Ju! - falou Brenda, rindo
Era ele. Eu congelei. De repente meu coração começou a pulsar demasiamente rápido. Minhas mãos suavam. Minhas pernas tremiam. Eu estava nervosa. muito nervosa. 
- Ele ta atraveessando a rua, ele vai vir aqui hahahaha - falou Bruna
ELE TA ATRAVESSANDO A RUA. ELE TA ATRAVESSANDO A RUA. O que eu faço ? meu deus!
- Oi Ju - falou Lucas
- o-o-o-o Oi Lucas
Então ele me abraçou. Mas abraçou forte, como costumava fazer antigamente. E sussurou:
- eu preciso falar contigo, sério
- oook, eu falei
- Lucas! eu falei pra você me esperar, puto!
- Desculpa velho, eu queria ver se encontrava a Ju aqui na frente da escola
- aham, aham
- Esse aqui é o Caio
- Oi  - eu respondi
- Juuuuuuuuuuuuu, o Lucas não para de falar de ti um segundo, não aguentava mais
- cala boca Caio - lucas resmunga
- Eu quero ir pra academiiiiiiia - grita Bruna
- eu e o Caio estamos indo pro clube, querem ir junto ?
- queremos sim! - fala bruna
- Ju ? - fala Lucas
- sim, vamos sim


------------------------


- Eu to indo dá uma volta com essa gata aqui - falou Caio, puxando Bruna pelo  braço
- Se comportem crianças rs rs - fala Bruna
- hmmmm - eu resmungo
- acho que estamos sozinhos agora
-é, eu respondi, sentindo minhas bochechas avermelharem
  Lucas se aproximou mais um pouco de mim, ficando a milímetros do meu corpo. 
- Ju, porque você não fala mais comigo direito ? não me abraça ? me ignora ?
- é melhor assim, Lucas
- porque ?
- poque sim
- Ju, fala
- não
- por favor
   Eu respirei fundo. Sabia que hoje seria o momento ideal.Vou falar. Respirei fundo e falei:
- Lucas, eu to gostando de ti
- porque não me falou antes, Ju ? - ele falou, colocando suas mãos em meu rosto
- nós somos amigos
- Juliana, eu sou apaixonado por ti desde que eu te conheço. 
Eu não sabia o que falar, apenas o olhei por poucos segundos, e baixei os olhos, fitando a água.
- Ju 
- qu-e ? - mal terminei a frase, seus lábios estavam nos meus, e eu já não precisava de mais nada.
-eu te amo linda
- eu também te amo
Então ele me abraçou, e eu perdi a noção do tempo.

2 comentários:

  1. me resumo a um simples >.<
    Minha expressão lendo.

    ResponderExcluir
  2. gracinha seu blog tem hora,OPA! to atrasada pro trabalho rs

    ResponderExcluir

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos