sexta-feira, abril 29, 2011

Lucidez

Palvras vazuas que se perdem no silêncio torturador dessa longa noite.Era frio, e meu coração de gelo era tão frio que nem hoje. Lembranças sempre voltam e atormentam minha mente, que depois de tanto tempo inconsciente está mais lúcida do que nunca.
O resto do texto, que continua por longas páginas acho melhor não postar aqui, acabei escrevendo em folhas... e acho que deve ficar lá.

Um comentário:

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos