domingo, maio 15, 2011

Por nós dois

As vezes me pergunto porque sou tão mazoquista em relação ao amor. Porque ensisto em coisas que eu deveria deixar para trás, que eu deveria ter deixado há muito tempo. Mas incrivelmente, estou apegada á tudo isso, mesmo me fazendo muito mal.
Estou cansada de amar por nós dois.Eu sempre fiz tudo por nós.Eu ensisti.Eu perdoei quando deveria ter te apagado da minha vida.Eu amei por nós dois. O nosso '' eu e você'' sempre foi mais ''eu'' do que ''você''.
É tão difícil ter um pouco da tua atenção? um misero pequeno pedaçinho do teu amor? Você julga me amar incondicionalmente, mas eu não vejo esse amor, e principalmente, eu não sinto esse amor, e já faz tempo. Eu continuo ali, sempre forte, sendo forte por nós dois.E se fosse por você, tudo já teria acabado na primeira briga idiota.
Se não é eu mandar uma mensagem de boa noite, ligar pergunto se está tudo bem, você não faz.Quando estou explodindo, você alguma vez perguntou o real motivo por eu estar assim? perguntou se eu queria conversar?, sempre acreditou quando eu falava que era ''TPM'. Você nunca me deu abertura para te ligar no meio da noite quando eu precisava de um pouquinho de carinho. Eu sou sensível, e sempre fui.Eu sempre dei atenção aos pequenos detalhes, e para ti, passam despercebidos. Posso fazer qualquer pergunta sobre algum gosto meu, ou mania, que tenho certeza que você não irá saber responder. Você nunca soube desses detalhes até mesmo quando estávamos juntos, imagina agora separados..

Um comentário:

  1. Nunca fui masoquista no amor, mas pela sua dscrição até entendo....
    Um abraço

    ResponderExcluir

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos