quarta-feira, agosto 03, 2011

Pouco a pouco

Pouco a pouco estou deixando de me sentir aquela bagunça, de mêses atraás. Meus pensamentos estão clareando e já posso saber o que meu coração quer, de verdade.Não estou mais tão triste como sempre estava e nem sinto mais você em mim. Consigo sorrir sinceramente e meu riso alegre voltou. Meus olhos não estão mais vazios, e o brilho voltou. Há noite não me pego mais acordada pensando em tudo que aconteceu. Mas não posso dizer que ainda não choro de saudade, de vontade de vontar correndo em seus braços.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida.

Obrigado por postar sua opinião.
Retribuirei a visita.

beijiinhos